Acadêmicos do curso de Enfermagem participam de Campanha de Imunização

Nesta semana, os alunos do curso de Enfermagem, Alessandra Yasmin de Oliveira, Cézar Augusto de Lima, Mayara Freitas Pugsley de Oliveira e Tamires Valéria Polli Porkote, participaram da Campanha de Imunização contra a Influenza e o Sarampo. Na terça-feira, 28, a ação ocorreu na Polícia Federal do Paraná, em Curitiba. Nos dia 29 e 30 de abril, eles foram até Paranaguá para a imunização das pessoas da cidade.

Na ação, realizada em conjunto com o Conselho Regional de Enfermagem e a Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba, foram distribuídas cerca de 250 doses de vacinas. A participação na campanha faz parte da disciplina Estágio Curricular Supervisionado II, coordenada pela professora Ana Dezoti e, segundo ela, as campanhas realizadas são importantes, pois através delas pessoas que não buscam rotineiramente as vacinas nas Unidades Básicas de Saúde podem ser imunizadas. Sobre a participação dos alunos, a professora afirma que é de extrema importância para a formação. “Eles desenvolvem as habilidades técnicas e realizam orientações para a população sobre doenças imunopreveníveis e adquirem competências para se tornarem excelentes enfermeiros”, finalizou.

A professora Louise Scussiato, responsável pela disciplina de Estágio Supervisionado I, também participou na supervisão dos alunos na ocasião. Para ela, a participação dos acadêmicos em Campanhas de Imunização promove a prática do conhecimento teórico apreendido em sala de aula. “Oportuniza aos acadêmicos o aprendizado prático de técnicas e habilidades que fazem parte da prática profissional do enfermeiro principalmente na Atenção Básica”, acrescentou.

Os alunos que participaram da atividade são da turma do oitavo período de Enfermagem. De acordo com os acadêmicos, a experiência é gratificante, pois podem colocar em prática todo aprendizado e conhecimentos adquiridos em sala aula e em campo de estágio. Para a aluna Mayara Pugsley, a atividade e o apoio das duas professoras acrescentam na formação. “Isso nos proporciona maior segurança e confiança para realizarmos as atividades com eficiência, nos colocando mais próximos de um futuro profissional qualificado”, declarou.

Postado em ENFERMAGEM, GRADUAÇÃO, NOTÍCIAS, NOTÍCIAS EM DESTAQUE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *