Mobilidade urbana é tema de palestra para cursos de Engenharia

Os cursos de Engenharia do UniBrasil Centro Universitário receberão, dentro das atividades do Projeto Academia UniBrasil, o vereador Bruno Eduardo Fischer Pessuti, que irá proferir palestra sobre Mobilidade Urbana. Será na próxima terça feira, 9 de abril, às 19 horas na Sala de Leituras.

O tema é atual e assume importância maior para os habitantes de centros urbanos e para estudantes e profissionais da área de Engenharia. O termo Mobilidade Urbana designa as formas e os meios que as pessoas utilizam para se deslocar nas cidades.

As consequências do privilégio ainda dado ao transporte individual são visíveis em qualquer cidade brasileira de médio e grande porte, com destaque para os engarrafamentos e a poluição ambiental. Segundo pesquisa da Fundação Getúlio Vargas, de 2006 a 2016 a frota brasileira de automóveis cresceu quatro vezes, e os modais de transporte coletivo, como ônibus, bonde ou metrô não tiveram incremento sequer aproximado.

A cidade de Curitiba, destacada na década de 1990 por implantar soluções inovadoras como ônibus circulando em corredores exclusivos, “biarticulados” com maior capacidade de passageiros, pagamento de tarifa antes de entrar no coletivo, e outras, começa agora a conviver com engarrafamentos em praticamente qualquer hora.

O momento de refletir sobre a questão é esse, e para isso vamos ouvir um especialista: Bruno Pessuti é vereador em segundo mandato, destacado por projetos inovadores como o Bilhete Único no Transporte Coletivo, Vagas Vivas e Polos Gastronômicos, foi Presidente da Comissão de Finanças e da Comissão de Meio Ambiente. Engenheiro Mecânico com extensa atuação na área, é pós-graduado em Economia e Direito Administrativo.

Trabalhou como engenheiro de suporte técnico em colheitadeiras na CNH (Case New Holland); na obra da Refinaria Abreu e Lima, no estado de Pernambuco, pela Techint; como engenheiro de processos na Siemens, e como pesquisador no Laboratório de Soldagem do Instituto de Tecnologia para o Desenvolvimento (Lactec), onde participou de projetos relativos a reparo de turbinas das hidrelétricas da Copel. No Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar), atuou na área de biocombustíveis, com ênfase no biodiesel. Teve participação no projeto que abastece os biarticulados de Curitiba com combustível 100% renovável.

Foi o relator da CPI do Transporte Coletivo de Curitiba, e apresentou um relatório considerado impecável pela imprensa. Foi o Vereador que denunciou que a frota de ônibus de Curitiba está vencida, colocando em risco a vida de milhares de pessoas, destacando-se na Câmara de Vereadores, apresentando Projetos Inovadores. Foi Presidente da Comissão de Finanças, onde trabalhou pela austeridade no uso do dinheiro público e Presidente da Comissão de Meio Ambiente, onde trabalhou pela sustentabilidade do município propondo o resgate dos rios e a preservação das áreas verdes. Atualmente em seu segundo mandato, é o vereador mais jovem da casa com 32 anos e 1º Secretário da Mesa da Câmara Municipal de Curitiba.

Ouvir Bruno Pessuti certamente fará diferença na compreensão e debate deste que é, sem sombra de dúvida, um dos maiores problemas da atualidade.

Texto: Wanda Camargo

Postado em GRADUAÇÃO, NOTÍCIAS, NOTÍCIAS EM DESTAQUE e tagged , , .

UniBrasil Centro Universitário

Ver post porUniBrasil Centro Universitário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *