Mulheres Paranaenses 2020 – Syonara Patrícia Thomé Beira da Silva

O UniBrasil Centro Universitário tem vários compromissos firmes: com a qualidade de ensino, com a ética acadêmica e profissional, com a liberdade de pensamento e de expressão; e um desses compromissos manifesta-se de modo mais incisivo durante todos os meses de março, o respeito às questões de gênero e à igualdade de oportunidades para todas as pessoas.

É em março, o Mês da Mulher, que o UniBrasil salienta seu reconhecimento às mulheres que, com trabalho, talento, competência, dedicação, têm papel relevante e indispensável no estado do Paraná, em seus melhores valores e aspirações.

O Projeto Mulheres Paranaenses já é tradição, realiza-se há dez anos, sempre nesse sentido de homenagem e reconhecimento; em 2020 será no dia 12 de março, às 19 horas no Auditório Cordeiro Clève.

O tema do evento deste ano é “Mulheres e Cuidados com a Infância”, pertinente para os tempos atuais que têm sido marcados pelas mudanças das concepções acerca da família, da infância e dos cuidados necessários às crianças mais novas, em que novas políticas e programas são adotados, deslocando a mera função socializadora do ambiente doméstico para uma esfera social mais abrangente, e os serviços destinados à infância partem do pressuposto de que as crianças sejam reconhecidas como atores sociais de pleno direito, ainda que dependentes.

Hoje a condição feminina melhorou um pouco: mulheres votam e são votadas, são praticamente maioria em muitos cursos universitários, são empresárias, professoras, magistradas, intelectuais, artistas; embora ainda tenham na média salários inferiores ao de homens na mesma função profissional.

A engenheira civil Syonara Thomé é a indicada como representante das Ciências Exatas e Tecnologias. Ela é sócia de seu marido, o administrador Maurício Thomé Beira da Silva, na Construtora Greenwood, especializada em construções residenciais e comerciais de alto padrão, com ênfase no uso de concreto aparente e steel frame, sistema construtivo formado por peças de aço galvanizado como principal elemento estrutural e que vem ao encontro das principais premissas da construtora: qualidade da obra e de materiais utilizados, cumprimento dos prazos de entrega e preocupação com a sustentabilidade e tecnologia de ponta.

Syonara valoriza a vida simples em família, adora cozinhar, cuidar de sua casa, viajar, descobrir lugares em busca da culinária e culturas diferentes. Ama animais e se envolve em causas relacionadas a cachorro, além disso incentiva instituições sérias como por exemplo o Hospital Erasto Gaertner. Gosta de moda, cinema, e em especial seu trabalho, é apaixonada pelo que faz e movida por desafios, e a construtora lhe dá esta oportunidade todos os dias, pois a construção de cada casa a instiga a sempre ir mais longe em tecnologia e inovação. Atualmente já são aproximadamente 500 obras executadas, entre casas, condomínios, obras comerciais e prédios.

Hoje é mais fácil para mulheres fazerem sucesso em áreas antes “masculinas” como a engenharia. O caminho foi aberto, há nem tanto tempo assim, por mulheres como Syonara que encararam o desafio de frente. Embora o curso de Arquitetura tenha contado sempre com boa porcentagem de mulheres, como ela mesma conta, em seu primeiro dia de aula no curso de engenharia havia apenas três outras mulheres na turma, hoje elas são cerca de metade dos alunos, e não só nesta área, a presença feminina nos cursos superiores tem aumentado significativamente.

Essa e outras carreiras ganharam muito com o “olhar feminino”, muito importante inclusive em projetos residenciais, em que a opinião da mulher é mandatória.

Syonara aconselha a todas: “lutem por sua independência, sua carreira e autonomia financeira. É isso que dará força e liberdade”.

Texto – Wanda Camargo

Postado em NOTÍCIAS, NOTÍCIAS EM DESTAQUE, UniBrasil e tagged , , , , , , .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *