UniBrasil e parceiros discutem sobre oportunidades para a educação do estado

Na manhã de segunda-feira, 02/12, a professora Lilian Pereira Ferrari, juntamente com a professora Márcia Coelho (Diretora Acadêmica), professora Liya Mikami (Diretora de Pós-Graduação, Pesquisa, Extensão e Assuntos Comunitários) e Ana Roseli Pedroso (Assiste Social), participaram de uma reunião na Secretaria de Educação do Paraná.

O encontro com o Deputado Everton, Ângela Grande Carstens (Pedagoga SEED), Renato Feder (Secretário da Educação) e Jailson Silva Neco (Chefe Departamento de Programas para Educação Básica), teve como objetivo dar andamento à parceria com a Secretaria visando novas vagas de estágios para os acadêmicos do UniBrasil e oferta de formação.

Além desse, outro tema de suma importância foi pauta da reunião. Segundo dados fornecidos pela Secretaria de Educação do Estado do Paraná (SEED), existem hoje no estado 10.600 professores afastados das salas de aula por problemas de transtornos mentais, os quais necessitam de tratamento psiquiátrico e/ou psicológico. Os dados foram solicitados pelo deputado Subtenente Everton a fim de apresentar ao grupo presente projetos para encontrar uma solução. “O que estamos fazendo com os números que temos?”, levantou o deputado.

De acordo com a professora Lilian Pereira Ferrari, o UniBrasil apresenta vários projetos que podem ser oferecidos para a melhoria do ensino e, a princípio, colocará à disposição o atendimento psicológico aos professores da rede pública de ensino. “Hoje o atendimento é gratuito e priorizaremos 10 das nossas vagas para atendimentos à professores.  Os casos mais graves serão encaminhados para psiquiatria”, informou. Durante a reunião também foram sugeridos grupos de terapia e rodas de conversas como opções para aumentar o atendimento psicológico aos professores, bem como acompanhamento com profissionais de nutrição, fisioterapia, entre outras áreas disponibilizadas pela instituição.

Na oportunidade, o deputado Everton sugeriu que seja realizado levantamento estatístico a respeito de quais são as causas dos afastamentos dos professores. “Podemos levantar esses dados durante os atendimentos. A gente tem que ter todas as informações para tentarmos resolver a origem do problema”, sugere. “O UniBrasil está toda aqui de coração aberto. Dá pra fazer sem gastar um real!”, destacou.

Fonte: http://deputadoeverton.com.br/2019/12/02/deputado-reune-time-forte-e-marca-golaco-pela-educacao/

 

 

Postado em NOTÍCIAS, NOTÍCIAS EM DESTAQUE, UniBrasil e tagged , , , , .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *