Psicologia promove aula inaugural sobre psicoterapia corporal

 IMG_5165O curso de Psicologia realizou na última quarta-feira (09), a aula inaugural do semestre. Realizado no auditório Cordeiro Clève, o evento contou com a palestra dos psicólogos José Henrique Volpi e Sandra Mara Volpi. A aula teve como tema:“O Corpo e energia na formação do temperamento, da personalidade e do caráter na perspectiva da psicologia corporal”. Estiveram presentes, acadêmicos do curso, docentes,  e a coordenadora do curso de Psicologia, professora Graciela Sanjutá.

IMG_5191Com uma vasta experiência na abordagem da psicoterapia corporal, os convidados atualmente são proprietários de uma clínica de capacitação e atendimento especializada na abordagem.  A psicologia corporal é uma abordagem difundida pelo médico Wilhelm Reich, considerado o pai da abordagem. “A psicoterapia corporal preza pelo verbal, pela fala, assim como todas as outras abordagens, mas ela também olha para as questões emocionais do ponto de vista energético, então é feito um tripé entre mente, corpo e energia”, explica Volpi. Durante a exposição, os psicólogos apresentaram em detalhes o entendimento da abordagem e a sua aplicação na psicoterapia. “Na psicologia corporal escutamos o paciente, mas também observarIMG_5207mos com o olhar para o corpo, a partir daquilo que o corpo me fala eu também vou fazer as intervenções como qualquer outra abordagem da psicologia, a diferença é que nessa abordagem trabalhamos também com o corpo, por meio de movimentos com alguns exercícios para que esse corpo possa expressar a neurose congelada”, conta Sandra.

De acordo com a psicóloga, o espaço aberto pelo o UniBrasil por meio do evento, é de suma importância, uma vez que poucas Instituições exploram a psicoterapia corporal. “É uma pena que algumas universidades, esse não é o caso da UniBrasil, acabam negligenciando áreas como por exemplIMG_5169o, a corporal. Essa oportunidade de trazer esse conhecimento que não é novo e que está inteiramente solidificado e apresenta uma proposta diferenciada dentro da abordagem da psicologia, é perfeitamente viável e útil, tanto para os pacientes que podem vir a ser atendidos por meio da abordagem, quanto para os terapeutas que se identificam com ela”, finaliza Sandra.

Para a profeIMG_5185ssora de Psicologia, Flávia Diniz Roldão, a aula inaugural é uma ótima oportunidade dos alunos conheceram outras áreas de atuação ou abordagens antes de realizaram suas escolhas. “Isso de fato qualifica o curso, e a formação que eles estão recebendo, também expressa na prática, a pluralidade que marca a constituição da Psicologia. Isso manifesta o verdadeiro espírito da democracia e igualdade de oportunidades, e a verdadeira possibilidade de oportunizar escolhas”, comenta a professora.

Posted in ESCOLA DE SAÚDE, GRADUAÇÃO, NOTÍCIAS, PSICOLOGIA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *